Clipe This is America: Youtube Permite que Massacre em Vídeo Seja Visto por Crianças, Censuradores Criticam


O chocante padrão duplo exposto

O YouTube ajudou um vídeo que mostra pessoas sendo massacradas a se tornar viral, permitindo que ele seja assistido por crianças, enquanto censuram um vídeo que continha apenas críticas ao clipe original.


O videoclipe This is America de Childish Gambino mostra brutalmente um homem sendo baleado na cabeça e um grupo de cantores gospel sendo massacrados com uma AK-47.

O vídeo não tem restrição de idade, pode ser visto por crianças e foi colocado na página de "tendências" do YouTube nos últimos 11 dias. Ele tornou-se viral tendo sido assistido por mais de 120 milhões de pessoas.

Na noite de terça-feira, publiquei um vídeo de comentários discutindo os temas por trás do clipe 'This is America' e da música. O vídeo não mostrou nenhuma violência. Eu censurei explicitamente as partes violentas que permanecem no original.

Em poucas horas, o vídeo foi considerado “inapropriado ou ofensivo” e colocado no que ficou conhecido como “Goolag”, o que significa que não pode ser compartilhado, receber comentários ou curtir. Essencialmente, essa é uma forma de garantir que o menor número de pessoas possível possa ver o vídeo, sem removê-lo completamente.



Numerosos outros vídeos que discutem o vídeo de Childish Gambino não foram censurados, incluindo este pelo The Washington Post.

Este é mais um exemplo da hipocrisia e do duplo padrão do YouTube em como trata os grandes criadores de conteúdo corporativos e os criadores independentes que ajudaram a construir a plataforma.

Para enfatizar, o YouTube trabalhou ativamente para ajudar o vídeo original, que mostra pessoas sendo brutalmente massacradas, tornando o clipe viral e nem mesmo restringiram a idade, o que significa que pode ser facilmente visualizado por crianças, enquanto censura um vídeo que meramente continha comentário político.

Isso, mais uma vez, ressalta como os gigantes do Vale do Silício estão monopolizando o discurso público online e usando seu poder para censurar os conservadores e punir as pessoas por expressarem a diversidade de pensamento.

O vídeo censurado pode ser assistido abaixo via Twitter. O link do YouTube ainda pode ser compartilhado aqui (os usuários precisam estar logados para assistir).

Leia mais:


Zuckerberg Admite que Está Desenvolvendo Inteligência Artificial para Censurar Conteúdo



































Fontes:
Infowars: YOUTUBE ALLOWS VIDEO DEPICTION OF MASSACRE TO BE WATCHED BY CHILDREN, CENSORS CRITICISM OF IT
Escrito por Jahaísa via Blog A Nova Ordem Mundial More at https://ift.tt/2sAfORk

Comentários