A mulher que pode ser presa por flagrar a traição do marido

mulher arábia saudita
Mulheres na Arábia Saudita: lei do país prevê “punição dura” por uso de câmeras para “fotografar e difamar outras pessoas”

Brasil Post

Uma mulher da Arábia Saudita pode ser condenada a um ano de prisão ou a pagar uma multa de R$ 500 mil após flagrar seu marido tentando beijar uma funcionária da residência da família à força (vídeo abaixo).

A mulher, que não foi identificada pela imprensa saudita, publicou as imagens na internet após ver o marido tentando agarrar a funcionária. Ela filmou os dois de outro cômodo da casa.

“A punição mínima para este marido é escandalizá-lo”, afirmou a mulher, na publicação. O vídeo rapidamente se tornou viral na Arábia Saudita.

Segundo o advogado saudita Majid Qaroob, a lei saudita é severa: “A lei prevê punição dura para qualquer um que usar telefones móveis com câmera ou quaisquer outros equipamentos para fotografar e difamar outras pessoas”, afirmou ao site Emirates 24|7.

O caso também levantou um debate sobre as condições em que os trabalhadores domésticos – geralmente de regiões pobres da África e da Ásia – são submetidos.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

O post A mulher que pode ser presa por flagrar a traição do marido apareceu primeiro em Pragmatismo Político.


Escrito por Redação via Pragmatismo Político

Comentários